Olhar para as grandes empresas é uma excelente maneira de garantir inspiração para se ter um empreendimento maior e melhor. Por isso, nós defendemos que, independente do tamanho do seu e-commerce, entender o que as grandes lojas virtuais estão fazendo traz uma série de aprendizados.

A WPP e a Kantar Millward Brown divulgaram em maio quais são as 100 empresas mais valiosas do mundo. Dentre as 10 primeiras colocadas, podemos identificar duas grandes varejistas, que são excelentes benchmarks para os lojistas: Amazon e Alibaba. A Amazon ocupa o terceiro lugar, valendo US$207,5 bilhões, com crescimento de 49% em relação ao ano passado. Já a Alibaba está na nona posição, valendo US$ 113,4 bilhões e com o impressionante crescimento de 92% em relação ao ano passado.

Mas afinal de contas, o que essas duas gigantes do varejo têm em comum? A resposta é que ambas estão constantemente criando formas de inovar
e investem pesado na abordagem com o cliente.

Inovação é uma palavra que está no DNA da Amazon e do Alibaba.

A gigante americana ocupa a primeira posição no ranking anual de empresas mais inovadoras do mundo, elaborado pela Fast Company. Isso porque não foca em um ecossistema específico, mas sim avança em diversas frentes, sempre com o objetivo de oferecer o melhor serviço possível para o consumidor.

A Amazon está constantemente testando e oferecendo novos formados para seus clientes. Ela conta com mercados inteligentes, nos quais o consumidor não precisa passar por caixas para fazer o pagamento. Além disso, também oferece inovações logísticas e de entretenimento!

A Alibaba também sempre teve a inovação como foco, desde a sua criação, em 1999. A sua grande sacada foi construir um ecossistema, que une compradores e fabricantes. Conforme o número de acessos de compradores foi aumentando, o de lojistas se cadastrando no portal também.

O resultado foi que, anos depois, a Alibaba não era apenas um marketplace, mas um grupo de empresas inovadoras. Atualmente, ela conta com empresas B2B, B2C, sistemas de pagamento próprios e foco no mercado de entretenimento.

Todas essas ações, em ambas as empresas, sempre tiveram o consumidor como foco principal. Essas iniciativas sempre visaram abordar o cliente, de maneiras diferentes. Independente dos hábitos de consumo de cada comprador, a Amazon e a Alibaba têm algum formato que atende o comprador, seja ele B2B, B2C, online ou offline.

Ao olhar essas duas empresas, pense:

  • Quais são as ações que o seu e-commerce está fazendo para se diferenciar dos concorrentes?
  • Que inovações vocês estão botando em prática?
  • Como a sua loja virtual pode colocar o cliente como foco principal no negócio?
  • De que forma vocês podem abordar os consumidores, além do tradicional?

Responder a esses questionamentos é o primeiro passo para deixar seu e-commerce ainda mais inovador e interessante para o consumidor.

troque fácil e aumente a retenção do seu e-commerce

Deixe uma resposta